Pesquisar este blog

terça-feira, 16 de julho de 2013

Saudades laicismo: Marinha leva símbolos da Jornada Mundial da Juventude até a Ilha de Paquetá



A Cruz dos Jovens e o Ícone de Nossa Senhora, principais símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), estão na manhã de hoje (14) na Ilha de Paquetá, na Baía de Guanabara. Os símbolos religiosos ficarão até o início da tarde na Igreja Senhor do Bom Jesus do Monte.

A cruz e o ícone foram transportados até Paquetá em duas embarcações da Marinha. Junto com o cortejo, seguiu o arcebispo do Rio de Janeiro, dom Orani João Tempesta. Os símbolos da jornada estão sendo levados a vários países desde que foram presenteados aos jovens católicos pelo Vaticano.

EBC

É pra isso que serve a Marinha do Brasil: Transportar objetos de culto religiosos de uma religião específica. Pra quê patrulhar as fronteiras, se a Igreja Católica pode mandar a Marinha transportar às custas do contribuinte seus pertences? Há o gasto com marinheiros, combustível, manutenção etc. Uma embarcação que deveria estar à serviço do Estado Brasileiro, à serviço de uma religião.
Nenhum deputado vai protestar contra isso? Ninguém da turma do "vem pra rua" vai protestar? E por favor, não usem a desculpa de que " O Papa é um chefe de Estado".  
É muita cara-de-pau usar uma desculpa destas. As Forças Armadas do Brasil não têm obrigação nenhuma de ficar transportando objetos religiosos, como também fez a Força Aérea, trazendo o papamóvel. 

Nenhum comentário: